1. Skip to click here internet pharmacy propecia Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

Espaço Infantil



AUTORES


Miguel Torga

Nasceu em Trás-os-Montes, em 1907, e faleceu em Coimbra, em 1995. O seu verdadeiro nome era Adolfo Correia da rocha. Médico de profissão, dedicou-se à literatura e adoptou o pseudónimo Miguel torga. Deixou uma vasta obra nos domínios da poesia, ficção narrativa (contos) e teatro.

Contos da Montanha, Bichos e Mar, são, porventura, as suas obras mais conhecidas.

Em 1989, foi-lhe atribuído o Prémio Camões.

Livros disponíveis na rede de cialis soft gel supplements Bibliotecas do Concelho de Arganil:

Segredo

Sei um ninho.
E o ninho tem um ovo.
E o ovo, redondinho,
Tem lá dentro um passarinho
Novo.

Mas escusam de me atentar:
Nem o tiro, nem o ensino.
Quero ser um bom menino
E guardar
Este segredo comigo.
E ter depois um amigo
Que faça o pino
A voar...

Brinquedo

Foi um sonho que eu tive:
Era uma grande estrela de papel,
Um cordel
E um menino de bibe.

O menino tinha lançado a estrela
Com ar de quem semeia uma ilusão;
E a estrela ia subindo, azul e amarela,
Presa pelo cordel à sua mão.

Mas tão alto subiu
Que deixou de ser estrela de papel.
E o menino, ao vê-la assim, sorriu
E cortou-lhe o cordel.


Blogue da autora: http://mariajoaolopo.blogspot.pt/

SUGESTÕES DE LEITURAS



 

AVÓS
um livro de lifestyle Chema Hema com ilustrações de Rosa Osuna.

Numa tarde de primavera estava o avô a regar a horta quando viu chegar um carro que anunciava:

Esta noite haverá festa na praça do povo.
Vinde todos bailar com os melhores músicos do país!

(…) O avô não disse nada.
Olhou para o sol que estava quase a esconder-se no horizonte,
e agachou-se para colher uma margarida que crescia por entre a erva.

Depois, foi ao pé da avó, deu-lhe a flor e disse:
- Porém, tu és muito bonita, Manuela.
És tão bonita como o sol. (...)

Fonte: interior do livro
Editado pela Kalandraka em 2003

O VALOR DA AMIZADE
a história de Jane Addams

Era uma vez…uma rapariguinha chamada Jane Addams que vivia numa encantadora casa na cidade de Cedarville, no estado de Illinois. Jane era uma miúda magrinha, e as suas costas não eram bem direitas. Por causa disso, tinha normalmente a cabeça inclinada para um lado e sempre que se via ao espelho, suspirava.
Quem me dera não ser tão desajeitada (…)
Estudou muito, tirou cursos de matemática e de ciências, e tirou boas notas. (…) Quando as duas amigas regressaram novamente à América, Jane tinha tomado uma decisão. Iria arranjar uma casa grande e bonita no meio de http://www.interstenoturk.org/discount-viagra-uk um bairro de lata. Convidaria as pessoas das redondezas para irem lá e compartilharia com elas todas as coisas que aprendera nas escola e nas suas viagens. (…)

Ter amigos significa que podemos sempre fazer mais coisas e adquirir novas ideias.
Enquanto partilhamos aquilo que temos, estaremos simplesmente a melhorar a nossa própria personalidade.
Se decidires que é importante para ti ser capaz de dar amizade, assim como aceitá-la… Então, estarás a fazer como a nossa amiga Jane Addams.

Fonte: interior do livro
Livro editado pela Resomnia Editores em 1990

Livros disponível na Rede de Bibliotecas do Concelho de Arganil

   
VÊ SE SABES...

1 - O sonho do Homem andar literalmente na Lua foi concretizado no dia 20 de Julho de 1969. O primeiro a pisar o satélite natural da Terra foi o astronauta:

- Alan Shepard
- Neil Armstrong

2 – No dia 12 de Agosto de 1907, nasceu o escritor Miguel Torga, nome literário do médico Adolfo Correia da Rocha.

- Verdadeiro
- Falso

ENVIA AS TUAS RESPOSTAS PARA Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar E TERÁS UMA SURPRESA!

Se quiseres saber mais acerca destes temas consulta as seguintes páginas Web:

Neil Armstrong:
https://www.nasa.gov/centers/glenn/about/bios/neilabio.html
https://pt.wikipedia.org/wiki/Neil_Armstrong
https://www.biography.com/people/neil-armstrong-9188943

Miguel Torga:
http://bibliotecas.cm-arganil.pt/
http://www.espacomigueltorga.pt/p70-miguel-torga-vida-e-obra-pt
https://pt.wikipedia.org/wiki/Miguel_Torga
https://www.portaldaliteratura.com/autores.php?autor=260

Curiosidades


- A enguia elétrica consegue dar choques com mais de buy nexium usa usefull link 500 volts – o suficiente para deitar um cavalo ao chão.

- Em apenas um dia, o sangue de um ser humano adulto percorre cerca de 20 mil quilómetros pelos vasos sanguíneos.

- Se te magoares num dedo, essa informação segue para o teu cérebro a uma velocidade de cerca de 400 Km/h.

- O chá é a segunda bebida mais consumida no mundo, depois da água.

- Os macacos podem ficar carecas com a idade.

- Em média, um ser humano come 35 toneladas de alimentos ao longo da sua vida.

 

Fonte: Visão Júnior, nº 157 (Junho 2017)



O teatro começou por servir os deuses com cânticos, declamações, dança e mímica. Depois veio a tragédia grega e a arte dramática afastou-se da religião. No tempo dos romanos, representar transformou-se num espetáculo grandioso.

Na Grécia antiga a primeira forma teatral foi um cântico coral, o ditirambo, recitado em honra de Dionísio. Representar para os deuses era um ritual das festividades religiosas, conduzido pelas sábias palavras dos poetas gregos que, mais do que puro entretenimento,  queriam despertar o público para uma reflexão moral e consciência cívica.
A arte dramática evoluiu e complexificou-se, com mais atores em palco a interpretarem textos densos de dramaturgos como Eurípedes, Ésquilo e Sófocles. Na mesma altura desenvolveu-se também o género da comédia, sobretudo sátiras a temas da atualidade política. Os espetáculos  eram tão populares que em Atenas, no século V a.C., começaram a organizar-se festivais de we like it buy viagra in france teatro, com prémios para os concorrentes.

  Fonte: http://ensina.rtp.pt


Em Portugal, as brincadeiras carnavalescas começam a fazer história por volta do século XVI, quando um homem do povo atira uma “laranjada” a um nobre. As partidas chegaram a ser violentas: havia brigas e vassouradas, baldes de água (e de outras coisas) despejados das janelas, lixo arremessado, cal esfregada nas roupas e nos cabelos, escadas ensaboadas à espera do trambolhão. Estas práticas foram proibidas e o Carnaval entrou na ordem dos cortejos.

Fonte: http://ensina.rtp.pt/artigo/carnaval-a-serio



 

Sabias que…

O nome do mês de Junho terá tido origem no nome de Júnio Bruto – em latim Junius -, ou da rainha dos deuses, Juno, a quem o mês era consagrado. Na Grécia era festejado Júpiter Olímpico, mês de festas e jogos que teriam sido iniciados por Hércules. Entre nós é o mês dos santos populares, das fogueiras e das canções invocando os seus milagres.
Este mês é representado por um jovem coberto com um manto verde – escuro, com um cesto de fruta no braço e na mão uma águia. 

Fonte: http://www.prof2000.pt




Sabias que…

As clepsidras foram uma das primeiras formas de medir o tempo que se inventaram. Há relatos de clepsidras construídas na China, por volta do ano 2600 a. C., no Egito, por volta de 1600 a. C., na Grécia antiga e em Roma.

Uma das maiores fontes de wow)) água potável está nos lençóis de água subterrâneos, que são alimentados pela infiltração da água da chuva e dos cursos de água. Infelizmente, eles estão a desaparecer rapidamente nas regiões onde existem grandes cidades. Das 37 maiores zonas de lençóis, 21 estão a perder grandes quantidades de água por ano.

Até o que comemos tem grande influência no consumo de água. Para além de ser muito mais saudável, uma dieta rica em fruta, vegetais e cereais precisa de muito menos água do que a baseada em produtos de origem animal. E todos ficamos a ganhar! Repara nestes valores aproximados:

1 Kg de alface = 110 litros de www.robocupsingapore.org água
1 Kg de arroz = 3050 litros de água
1 Kg de ovos = 4340 litros de água
1 Kg de bife de vaca = 19000 litros de água

 

Fonte: A revista “Nosso Amiguinho”, número 349



Tecto da Gruta de Altamira

O que são as gravuras rupestres?
Antigamente, quando as primeiras comunidades se instalaram no actual território português viviam com muita dificuldade, pois os seres humanos tinham que sobreviver à agressividade do meio onde se inseriam. Estes habitavam sobretudo em grutas para se protegerem e abrigarem-se. É neste enquadramento, durante o período do Paleolítico Superior, que as ancestrais comunidades utilizavam as paredes das cavernas e tectos das cavernas para ilustrarem o seu modo de vida. As matérias-primas utilizadas para a expressão artística dos povos da antiguidade eram: pedras, ossos, sangue animal e plantas. As principais temáticas eram desenhos e pinturas onde ilustravam animais selvagens, linhas, círculos, espirais, seres humanos em situação de caça e faziam a representação de acontecimentos astrológicos, como é o caso de cometas!
A localização deste tipo de arte está situada, praticamente, em quase todo o actual território português, sendo as mais conhecidas, as gravuras rupestres de Foz Côa. No concelho de Arganil existem um conjunto interessante desta arte primordial situada nos arredores do Piodão. Na aldeia das Chãs d’Égua existe um centro interpretativo, a partir da marcação antecipada, onde poderás contactar com esta realidade de uma forma didáctica onde permitirás ter uma explicação aprofundada sobre a arte rupestre em Arganil.

Biblliografia
BAPTISTA, A. M.; e Gomes, M.V. (1997) - Arte Rupestre, Arte Rupestre e Pré-História do Vale do Côa, Trabalhos de 1995-1996. Lisboa: Ministério da Cultura, pp. 213-406.
RAPOSO, L. (1994) O Paleolítico, in História de Portugal (dir. J. Medina). Vol. I, Amadora:Ediclube, pp. 29-99.
PEREIRA, Gonçalo [2014] – Abrigo da Pala Pinta. [online] [consultado a 26 de Janeiro de 2016]. Disponível em http://www.nationalgeographic.pt
Câmara Municipal de Arganil [s.d] – O Centro Interpretativo de Arte Rupestre de Chãs d’Égua [online] [consultado a 26 de Janeiro de 2016]. Disponível em http://www.cm-arganil.pt

A Pantone é a empresa responsável por uma das escalas de cores mais vasta e confiável ao dispor dos desenhadores. Agora lançou uma nova cor, a juntar a todas as outras: o Amarelo Minion. O nome é uma das personagens aos pequenos personagens do filme Gru, o Maldisposto, e representa a alegria e o otimismo.

Duas empresas alemãs (uma conhecida marca de carros e uma empresa de engenharia ambiental) conseguiram criar um combustível a partir de dióxido de carbono e de água. O dióxido de carbono é um gás abundante e uma das principais causas de poluição. Se este combustível vier a ser comercializado em quantidade e a um preço que os consumidores consigam pagar, pode vir a ajudar muito a combater a poluição do ar e, logo, o problema do aquecimento global.

Em Lisboa, nasceu uma nova cria de gorila-ocidental-das-terras-baixas, espécie originária da Africa ocidental. A cria e a mamã, Anguka, encontram-se bem. Esta é uma boa notícia, pois os gorilas-ocidentais estão considerados como uma espécie em perigo crítico de extinção.”

 

Fonte: revista Nosso Amiguinho, nº 345


 

Aqui ficam algumas sugestões de leitura para os teus pais:


RUMO A CASA
de Yaa Gyasi. Editado pela Presença em 2015

Effia e Esi, filhas do mesmo pai, nasceram em aldeias diferentes do Gana do século XVIII. Effia casa com um inglês e vive confortavelmente no Castelo da Costa do Cabo. Já Esi, sem que Effia saiba, vê-se aprisionada nas masmorras do mesmo castelo, vendida como escrava e enviada para a América.

Rumo a casa retrata magistralmente o suceder de gerações a partir de Esi e Effia, no Gana e nos Estados Unidos da América. As duas linhas de descendências, com os seus episódios íntimos, belos e dramáticos, mostram-nos a história da escravatura e da cultura afro-americana nos continentes africano e americano até à atualidade, lado a lado num fio que se une o passado e o presente.

A estreia literária de Yaa Gyasi, nascida em 1989, arrebatou a crítica e os leitores, tornando a autora numa das vozes mais promissoras da atual literatura norte-americana.

Fonte: contracapa do livro

Prémios
National Book Critics Circle/John Leonard Prize, 2017

Citações
«É impossível não admirar a visão e o alcance deste livro.» | The New York Times Book Review
«Épico. Impressionante. Irresistível.» | Entertainment Weekly
«Extraordinário. Repleto de emoções complexas e revelações sobre a condição humana. Uma leitura essencial.» | San Francisco Chronicle
«Uma estreia obrigatória. Um livro que permanecerá consigo muito depois de o ter terminado. Quando falamos sobre aquilo que a ficção nos pode ensinar, é a livros como este que nos referimos.» | Marie Claire
«Notável. Envolvente. Intenso.» | Boston Globe
«Admirável. Uma das leituras mais ricas e gratificantes de 2016.» | Elle
«É impossível não admirar a visão e o alcance deste livro.» | The New York Times Book Review

Fonte: www.presenca.pt

Livro disponível na Rede de Bibliotecas do concelho de Arganil

LINKS



Jornais Online

Diário de Noticias
http://www.dn.pt/inicio/default.aspx

Jornal de Noticias
http://www.jn.pt/paginainicial/
Correio da Manhã
http://www.cmjornal.xl.pt/
Diário de Coimbra
http://www.diariocoimbra.pt/
Diário das Beiras
http://www.asbeiras.pt/
 

 
 
 

 

Pesquisa de Livros

Catalogo Concelhio de Arganil
http://www.bibliotecas.cm-arganil.pt/index.php?option=com_content&view=article&id=1779
Biblioteca Nacional de Portugal
http://www.bnportugal.pt
A Base Nacional de Dados Bibliográficos
PORBASE - é o Catálogo Colectivo em Linha das Bibliotecas Portuguesas
http://porbase.bnportugal.pt/ipac20/ipac.jsp?session=1311373D130Q3.129223&
profile=porbase&menu=search&ts=1311373513125#focus
Casa da Leitura
http://www.casadaleitura.org/
The European Library
http://search.theeuropeanlibrary.org/portal/en/index.html
Venda Online
http://www.amazon.com/

 

 

Pais e Professores

Ministério da Educação
www.min-edu.pt
Conselho Nacional de Educação
www.cnedu.pt
UNESCO
http://portal.unesco.org
Agência Nacional  do Programa Aprendizagem ao Longo da Vida
http://www.proalv.pt
Comissão Parlamentar de Educação e Ciência
http://www.parlamento.pt/sites/com/XILeg/8CEC/Paginas/default.aspx
União Europeia – Educação e Formação
http://europa.eu/pol/educ/index_pt.htm
Plano Nacional de Leitura
http://www.planonacionaldeleitura.gov.pt/index1.php
Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e documentalistas
http://www.apbad.pt
Permutas de Professores Online
http://www.permutasdeprofessores.com


 
 
 

 


Partilhar

DGLAB

Ler +

IFLA

BNP

RBE